Personalidades Negras – Mãe Biu de Xambá

Mãe Biu de XambáFilha de Ogun, Severina Paraíso da Silva nasceu em 1914. Filha consanguínea de José Francelino do Paraíso, casado com Maria do Carmo Paraíso, que fora sua madrasta, foi iniciada por Artur Rosendo e Maria Oyá, nos ritos da nação Xambá em 1934. Dirigiu por 40 anos a casa que é considerada a única da nação nas Américas.

Entre os obstáculos que enfrentou esteve a perseguição policial do Estado Novo que fechou o Terreiro por 12 anos. Em 1950 inaugurou a sede definitiva do Terreiro, na localidade do Portão do Gelo, terceiro quilombo urbano do Brasil, localizado em Olinda. Foi a grande responsável, juntamente com sua irmã Tila (1912-2003), pela sobrevivência e preservação das tradições religiosas da Nação Xambá em Pernambuco.

Mãe Biu do Portão do Gelo, como ficou por todos conhecida, tinha personalidade forte e cativante, era respeitada e reconhecida como uma grande Iyalorixá, uma verdadeira Mãe de Santo. Analfabeta, não deixou de garantir às gerações mais novas os registros das tradições da nação. Para isso contava com a contribuição de terceiros. É, sem dúvida, a personalidade mais marcante da Nação Xambá. Mãe Biu faleceu aos 78 anos em 1993.

De |junho 20th, 2014|Sem categoria|Comments Off on Personalidades Negras – Mãe Biu de Xambá