Retratos do Brasil Negro


Editora lança coleção de biografias sobre ícones da cultura afro brasileira

A Selo Negro Edições promove, em outubro, duas noites de autógrafos da coleção Retratos do Brasil Negro. No dia 6 de outubro (terça-feira), das 18h30 às 21h30h, a coordenadora da coleção, autores e biografados recebem amigos e convidados na Livraria Cultura (Conjunto Nacional), em São Paulo. No dia 8 de outubro (quinta-feira), das 19h às 22h, será na Livraria Argumento (Leblon), no Rio de Janeiro.


A coleção, que começa com as biografias de Nei Lopes, Sueli Carneiro e Abdias Nascimento, aborda a vida e a obra de figuras fundamentais da cultura, da política e da militância negra.

A primeira biografia da coleção Retratos do Brasil Negro, escrita pelo jornalista Oswaldo Faustino, é de Nei Lopes, um brasileiro comprometido com sua terra e com a cultura de seu povo. Sempre criativo em suas realizações, ele vem enriquecendo o panorama da cultura nacional com a singular capacidade de elaborar e interpretar a dimensão mais densa e profunda da africanidade no país. Sua vasta obra intelectual e musical constitui um rico acervo de informações e ideias sobre a cultura afro-brasileira, além de refletir de maneira magistral a luta antirracista no país.

Já a segunda biografia, da jornalista Rosane Borges, contempla a história de Sueli Carneiro, ativista antirracismo do movimento social negro brasileiro. Feminista e intelectual, fundadora do Geledés – Instituto da Mulher Negra, Sueli é uma das personalidades políticas mais instigantes da atualidade. Entender sua história de vida, suas influências e as mudanças concretas geradas por sua militância é compreender parte do cenário espacial, político e geográfico do movimento social negro contemporâneo.

Abdias Nascimento, o terceiro biografado da coleção, é um dos maiores pensadores negros do mundo. Sua luta pela igualdade racial e sua vida marcada por desafios são fielmente registradas nesta biografia: da infância humilde à criação do Teatro Experimental do Negro, passando por sua atuação como deputado federal. No livro, a jornalista Sandra Almada recupera a vida e a obra desse dramaturgo, ator, acadêmico, político, artista plástico, poeta e militante reconhecido internacionalmente, resgatando as origens de sua combatividade.

Divulgação

De |outubro 6th, 2009|Notícia|Comments Off on Retratos do Brasil Negro