Incra revoga decisão de reduzir área do Quilombo do Mesquita

Foto: Ana Carolina Fernandes

Foi publicada nesta quinta-feira (21), no Diário Oficial da União (DOU), decisão de Leonardo Góes da Silva, presidente do Conselho Diretor do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), que revoga a decisão de reduzir em cerca de 80% o território do Quilombo do Mesquita, localizado no município de Cidade Ocidental, em Goiás.

O pedido de redução das terras para o Incra partiu da Associação Renovadora Quilombo Mesquita. No entanto, os moradores questionaram a representatividade desta instituição e questionaram a redução. Após a polêmica, o Incra se pronunciou afirmando que iria rever a decisão, submetendo o processo a nova avaliação de suas áreas técnicas.

O episódio ganhou repercussão nacional pelos prejuízos que poderia acarretar à comunidade quilombola e ao próprio meio ambiente. Na semana passada, durante a Plenária Nacional da Coordenação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq), realizada em Mesquita, lideranças do Brasil inteiro manifestaram solidariedade à causa dos remanescentes da Cidade Ocidental.

“Estamos muito felizes por essa mudança. Nossos direitos estão assegurados. Essa vitória mantém o que diz a Constituição Federal”, destaca Sandra Braga, liderança local e coordenadora da Conaq. “Este fato teve grande importância pois iríamos perder grande parte da nossa área de cultivo e para manter o sustento das nossas famílias. A redução praticamente nos eliminaria. Isso ainda reforça a segurança de outros territórios do país”, afirma o quilombola Ronedite Benedito.

 

De |junho 21st, 2018|Banner, Notícia, Sem categoria|Comments Off on Incra revoga decisão de reduzir área do Quilombo do Mesquita