Festival MID traz ao DF artistas de vários países

De 13 a 29 de Abril, o Movimento Internacional de Dança – MID 2018, festival contemplado no programa Iberescena – cuja representante no Brasil é a Funarte –, traz espetáculos, oficinas, aulas, debates, residências e rodadas de negócios a  diversos espaços culturais do Distrito Federal, inclusive a Funarte Brasília. Há atividades gratuitas, ou a preços populares.

Numa reunião de vários estilos de dança, o MID apresenta 34 atrações, sendo 15 delas internacionais e renomadas, de quatro continentes, da França, Itália, Espanha, Eslovênia, Israel, Congo, Colômbia, Argentina, Costa Rica e Cuba, e 19 artistas ou grupos brasileiros. O festival tem como característica principal a diversidade, com espaço para dança contemporânea, urbana, de salão, sapateado e solos, em espetáculos para adultos e crianças.

A Funarte Brasília recebe apresentações do evento nos dias 18, 19 e 28.

A programação acontece no mês em que são comemorados o aniversário de Brasília, dia 21, e o Dia Internacional da Dança, no 29. Tem patrocínio do Iberescena (representado pela Funarte/Ministério da Cultura), do Banco do Brasil, do Governo de Brasília, da Secretaria de Cultura do DF, da Embaixada da França no Brasil e do Instituto Francês do Brasil. O festival é realizado pelo Instituto Bem Cultural, Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) e Governo Federal.

O programa foi idealizado por Sérgio Bacelar, também seu diretor, e por Sérgio Maggio, que fez a curadoria nacional, juntamente com Gisele Rodrigues e Yara de Cunto. As coregrafias internacionais tiveram a curadoria de Sérgio Bacelar e Cristiane Castro, com colaboração de Annita Mathieu e Christine Paly.

Compõem a programação oito oficinas, seis aulas de dança, duas mesas de debate, uma residência artística, batalha de “breaking” e uma ação educativa, além de rodadas de negócios e bate papos .

O MID 2018 faz duas homenagens a figuras consideradas muito importantes para a dança e para o desenvolvimento da cultura brasileira: Yara de Cunto e Jean Pascal Quiles.

Alguns espetáculos com ingressos a R$ 10 a meia entrada. A programação completa pode ser conferida em www.movimentoid.com.br

Abertura

​Para a pauta de abertura, no Centro Cultural Banco do Brasil – Brasília, nos dias 13 e 14, será apresentada a coreografia Lub Dub, do Balé do Teatro Castro Alves (Salvador – BA). O espetáculo muito elogiado pela crítica em 2017, une o universo afro-brasileiro com a cultura oriental do seu criador, o sul coreano Jae Duk Kim. A programação do primeiro fim de semana traz, no sábado (14), Um indivíduo qualquer, da Foco Cia. de Dança e Suit a 4 mãos, do Corpo de Baile Noara Beltrami. Ambas do DF, no Teatro Newton Rossi – SESC Ceilândia.  O espetáculo infantil Eufonia, da Cia. dos Pés, de São Paulo, será apresentado, no domingo, no CCBB.

Espetáculos Internacionais

A programação Internacional inédita tem como destaque os espetáculos franceses Boomerang, para toda a família, o infantil Partituure o adulto Black belt. Compõem a agenda latino-americana os espetáculos espanhóis And that’s why i’m here todaye I Leave the lights on. Na pauta estão  os argentinos Isadora Sur e Acto Blanco; o colombiano Super Tejido  Limbo; e Sordito, da Costa Rica. O Red Belt representa Israel. Já a programação dos Solos de Stuttgart, da Alemanha, encena trabalhos premiados de artistas da França, do Congo, da Itália, da Espanha e da Eslovênia.

Espetáculos do DF

Completam a programação do DF o espetáculo Eros; a performance Sacolas na cabeça; e as peças de média duração Flecha,Frango Corpo Afeto, bem como as apresentações de curta duração Teoria, Klepsydra, Nas trilha do manguezal, La Columbia, 50 Tons de cinza, Resiliência,  Socialize, Eu e os homens de verdade Massa Charme.

Batalha de “breaking”

A Batalha de “breaking”, atração já tradicional no MID, reúne dançarinos de todo o país. Ela terá sua eliminatória no JK Shopping, no dia 20 de abril, e a final no CCBB, no dia 21.

Atividades Paralelas gratuitas

Seis aulas de dança serão ministradas para crianças, jovens e adultos, sempre aos sábados, no CCBB. No instituto Federal de Brasília haverá duas mesas de debates, oito oficinas de qualificação profissional para dançarinos, atores e técnicos.

Festa Oficial

A festa oficial do MID Vem dançar com a gente!será no dia 21 de abril, no CCBB. terá programação variada, com coreografias de curta duração, “black music”, sob o comando da DJ Doona, “food trucks” e promete botar todos para dançar. Neste dia teremos a abertura da importante exposição “Retrospectiva Jean-Michel Basquiat”.

Ação educativa

Nesta edição, a ação de formação do MID apresenta o espetáculo Eufonia, para 500 estudantes com deficiência intelectual e para 49 profissionais da educação da rede pública de ensino brasiliense. A estrategia da ação foi realizar de três encontros de formação e troca de conhecimentos pedagógicos entre os professores participantes; e de uma experiência com um material didático, criado com exclusividade para o espetáculo. Ele é inspirados pelo ciclo biológico da cigarra e pelas fábulas que usam o inseto como metáfora. Na peça, “buscou-se expandir os limites da cena e abordar a ida ao teatro como uma ferramenta de sala de aula”, além de fazer um passeio pela natureza de Brasília – especialmente em setembro, quando caem as primeiras chuvas e nascem as cigarras. As apresentações terão audiodescrição.

Homenagens

O MID 2018 faz duas homenagens a figuras consideradas muito importantes para a dança e para o desenvolvimento da cultura brasileira: Yara de Cunto e Jean Pascal Quiles. Diz a produção do MID: “Yara é uma das maiores agitadoras culturais da dança do Brasil. No Rio de Janeiro, no anos 60, trabalhou com Tônia Carrero e Margarida Reis, Adolf Celi, Rubens Corrêa Madame Henriette Morineau e fez participações na extinta TV Tupi. Além disso, fundou o Balé do Teatro Guaíra, em Curitiba (PR). Chegou na capital federal na década de 1970 e foi dar aulas na UnB fugindo do clássico e se aproximando cada vez mais do movimento livre e autoral foi quando surgiu o grupo Asas & Eixos, que serviu de norte para cultura da dança contemporânea no DF.

O músico, concertista e diplomata Jean Pascal Quiles é especialista em políticas públicas culturais, empreendedorismo cultural e economia criativa. O adido cultural da França, que está no Brasil desde de 2014 e agora se despede de Brasília para seguir em nova missão”.

Rodada de Negócios

Seis programadores de importantes festivais de dança, quatro do Brasil e dois da América Latina, acompanharão as apresentações e assistirão a ensaios abertos de outros espetáculos de Brasília.

Movimento Internacional da Dança (MID) – 2018

De 13 a 29 de abril de 2018

Contemplado no Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas (Iberescena)

 

Locais:

SESC Taguatinga – Espaço Cultural Paulo Autran
CNB 12 área especial 2/3, Taguatinga Norte – (61) 3445-9150

SESC Ceilândia –  Teatro Sesc Newton Rossi
QNN 27, lote B, Ceilândia Norte – (61) 3379-9526

SESC Gama -Teatro Paulo Gracindo
Setor Leste Industrial, Lotes 620, 640, 660 e 680 – (61) 3484-9103

JK  Shopping
Av. Hélio Prates – QNM 34 – Área Especial 01 – M-Norte
Te.: (61) 3246-8601

Instituto Federal de Brasília – IFB (Campus Brasília)
Quadra 610 – Asa Norte – (61) 2103-2100

Complexo Cultural Funarte – Teatro Plínio Marcos
Eixo Monumental – Setor de Divulgação Cultural, Lt 2 – (Entre a Torre de TV e o Clube do Choro) – (61) 2099-3080

Preços:R$ 10 (meia entrada) e gratuito* (a depender da programação).

Para os espetáculos realizados na Funarte as vendas serão realizadas no dia apresentação a partir das 16h

Teatro Dulcina de Moraes
SDS – CONIC – Bloco C N°. 30/64 Edifício FBT
Tel.: (61) 33224147

Centro Cultural Banco do Brasil – CCBB
Setor de Clubes Esportivos Sul (SCES) Trecho 2
Tel.: (61) 3108-7600
Preços: R$ 10 (meia entrada) e gratuito* (a depender da programação).
Para os espetáculos realizados no CCBB haverá vendas pelo site www.eventim.com.br e na Bilheteria do CCBB, de Terça a domingo, das 9h às 21h
* Senhas distribuídas com 1 hora antes da apresentação.

Este projeto é realizado com recursos do Fundo de Apoio à Cultura – FAC da Secretaria de Cultura do Governo de Brasília, do Banco do Brasil e do Instituto Francês do Brasil.

Parceria:Vivadança Festival Internacional.

Apoios: Embaixada de Israel, Instituto de Artes de Bogotá,  Instituto Cervantes,  SESC / DF,  Instituto Federal de Brasília,  Raruti – Comunicação e Design, 70mm – Escola de Criação em Audiovisual; Gráfika Papel e Cores e JK Shopping.

A programação completa pode ser conferida em: www.movimentoid.com.br

Mais informações: movimentoid2018@gmail.com

Read more: http://www.funarte.gov.br/danca/festival-mid-traz-ao-df-artistas-de-varios-paises/#ixzz5CaTUKrfy
Follow us: funarte on Facebook

De |abril 13th, 2018|Destaque, Notícia, Secundária|Comments Off on Festival MID traz ao DF artistas de vários países