• Logotipo do Governo do Brasil


Palmares

Idiomas do Portal

Ferramenta de Pesquisa


Nuvem de Tags


Conteúdo do Portal

Pathway


Apresentação

quinta-feira, by Ascom

No dia 22 de agosto de 1988, o então presidente da república José Sarney fundou a primeira instituição pública  federal voltada para promoção e preservação da arte e da cultura afro-brasileira: a Fundação Cultural Palmares, entidade vinculada ao Ministério da Cultura (MinC). A FCP comemora meio quarto de século de trabalho por uma política cultural igualitária e inclusiva, que busca contribuir para a valorização das manifestações culturais e artísticas negras brasileiras como patrimônios nacionais.

Nesse quarto de século, a FCP já emitiu mais de 2.008 certificações para 2.408 comunidades (http://www.palmares.gov.br/quilombola/). O documento reconhece os direitos das comunidades quilombolas e dá acesso aos programas sociais do Governo Federal. É referência na promoção, fomento e preservação das manifestações culturais negras e no apoio e difusão da Lei 10.639/03, que torna obrigatório o ensino da História da África e Afro-brasileira nas escolas. A Fundação Palmares já distribuiu publicações que promovem, discutem e incentivam a preservação da cultura afro-brasileira e auxiliam professores e escolas na aplicação da Lei.

COMPROMETIMENTO com o combate ao racismo, a promoção da igualdade, a valorização, difusão e preservação da cultura negra;

CIDADANIA no exercício dos direitos e garantias individuais e coletivas da população negra em suas manifestações culturais;

DIVERSIDADE, no reconhecimento e respeito às identidades culturais do povo brasileiro.

Para guiar as linhas macro de trabalho, foram criadas três estruturas administrativas: O Departamento de Proteção ao Patrimônio Afro-brasileiro (DPA); O Departamento de Fomento e Promoção da Cultura Afro-brasileira (DEP); e o Centro Nacional de Informação e Referência da Cultura Negra (CNIRC).

DEPARTAMENTO DE PROTEÇÃO AO PATRIMÔNIO AFRO-BRASILEIRO (DPA).

DEPARTAMENTO DE FOMENTO E PROMOÇÃO DA CULTURA AFRO-BRASILEIRA (DEP)

CENTRO NACIONAL DE INFORMAÇÃO E REFERÊNCIA DA CULTURA NEGRA (CNIRC).


Linha do tempo

Conheça, aqui, os presidentes da Fundação Cultural Palmares e algumas de suas principais contribuições ao processo de implantação e consolidação da instituição.

Foto: Januário Garcia
CARLOS ALVES MOURA
(1988 a 1990)
Implantação da Fundação Cultural Palmares.
_________________________________________________________________________________


ADÃO VENTURA
(1990 a 1994)
Continuidade dos trabalhos da gestão anterior.

_________________________________________________________________________________

Foto: Januário Garcia
JOEL RUFINO DOS SANTOS

(1994 a 1996)

- Estabelecimento de relação mais próxima com as comunidades remanescentes de quilombos e início dos trabalhos de reconhecimento dessas comunidades;

- Realização das celebrações dos 300 anos da morte de Zumbi dos Palmares, ocorridas em União dos Palmares (Alagoas).
_________________________________________________________________________________

Foto: Januário Garcia
DULCE MARIA PEREIRA
(1996 a 2000)

- Realização do Seminário Internacional “Rota do Escravo”,
em parceria com a Unesco e Ministério das Relações Exteriores;

- Realização de pré-conferências em todo o território nacional para preparação do
documento brasileiro levado à Conferência da ONU contra o Racismo e a Xenofobia;

- Participação na I Conferência de mulheres da CPLP sobre gênero, cultura, acesso ao poder,
participação política e desenvolvimento, realizada na Bahia no ano 2000.
_________________________________________________________________________________

Foto: Januário Garcia
CARLOS ALVES MOURA
(2000 a 2003)

- Realização do II Seminário internacional rota do escravo, em parceria com a Unesco e o Ministério das Relações Exteriores

- Apoio a pequenos projetos no âmbito da cultura afro-brasileira em todos os estados brasileiros;

- Participação brasileira na Conferência Mundial da ONU contra o Racismo, a Xenofobia e a Intolerância Correlata, realizado em 2001, em Durban – África do Sul.
_________________________________________________________________________________

Foto: Januário Garcia
UBIRATAN CASTRO DE ARAÚJO
(2003 a 2007)

- Realização da II Conferência de Intelectuais da África e da Diáspora,
ocorrida em Salvador-BA, em 2006, com a presença de 16 chefes de
estado da diáspora e do Continente Africano.
_________________________________________________________________________________

Foto: Januário Garcia
ZULU ARAÚJO
(2007 a 2010)

- Ampliação e modernização das instalações da Palmares;

- Reestruturação institucional da Fundação, com ampliação do número de cargos;

- Criação de representações regionais da Palmares;

- Implantação de um programa amplo e democrático de apoio a projetos culturais em todo o território nacional, por meio de editais de fomento à cultura;

- Realização do II Encontro Afro-latino, em Salvador-BA, em 2010;

- Implantação do Observatório afro-latino;

- Gestão do Portfólio de Perfis de Projetos Culturais da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa;

- Promoção de debates e edição de material sobre a política de ações afirmativas.
_________________________________________________________________________________


ELOI FERREIRA DE ARAUJO
(2011 a 2012)

- Realização do Projeto Pró-Capoeira nos Estados de São Paulo, Bahia, Rio de Janeiro, Pernambuco e Rio Grande do Sul;

- Certificação de 323 Comunidades de Remanescentes Quilombolas que perfazem hoje o total de 2052 comunidades certificadas;

- Quilombo Cultural – convênio firmado com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) para identificar e mapear as comunidades quilombolas;

- Edital de Chamada Pública para implementação de núcleos de Formação de Agentes de Cultura de Juventude Negra em nove Estados brasileiros;

- Edital do Concurso Nacional de Pesquisa sobre Cultura Afro-brasileira;

- Seminários de Cultura Negra;

- Início das obras de recuperação da Serra da Barriga.

0 Comentários



Navegação do Rodapé


Quadra 601 Norte – SGAN – Lote L CEP: 70830-010 – Ed. ATP – Brasília/DF

2014 - Fundação Cultural Palmares

(Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 3.0 Brasil.)


Retornar ao Topo do Portal