Olodum completa 33 anos de samba-reggae, cultura e cidadania

Por Drielly Jardim 

O Olodum, bloco percussivo mais famoso do Brasil, completa 33 anos de história nesta quarta-feira (25). Para comemorar mais um ano de sucesso, a banda que criou o samba-reggae fará um show aberto ao público no dia 29 de abril, no Largo Pedro Arcanjo – Pelourinho, às 16h. 

O evento, que faz parte do projeto ‘Bairro a Bairro Música e Cultura Olodum’,  conta com patrocínio da Petrobras e marcará a comemoração de momentos importantes para o bloco, como os 25 anos do LP Egito Madagascar, o primeiro disco de samba-reggae do mundo; os 21 anos de inauguração da Casa do Olodum, os 20 anos do maior tour de uma banda brasileira na Europa em 1992 e os 20 anos do Desfile de Bloco Olodum no Carnaval de Londres Nothing Hill Gate. 

Marcelo Gentil, vice-presidente do Olodum, relembra que a banda criou não só um novo ritmo, mas uma nova forma de manifestação quando uniu cultura com militância política. “Esse foi o pontapé inicial do Olodum. A criação do samba-reggae nos permitiu promover o desenvolvimento social e cultural de milhares de pessoas ao longo desses 33 anos, e hoje é o ritmo mais popular da Bahia, tanto que é disseminado por grandes artistas de sucesso”, afirma.  

Escola Olodum – A promoção e a preservação da cultura afro-brasileira por meio das artes também é o objetivo do projeto Escola Olodum, que oferece cursos gratuitos de Percussão, Samba-reggae, Dança Afro, Coral Afro, Canto e Guitarra para crianças e jovens de 7 a 21 anos. Segundo Marcelo Gentil, o que os jovens vivem na Escola vai muito além de aprender a tocar, cantar e dançar. “Atualmente nós temos cerca de 360 jovens na Escola Olodum que exercitam diariamente a cidadania e aprendem o valor da nossa cultura e como devemos preservá-la. O atual mestre de percussão do Olodum foi formado na Escola e é um grande exemplo para quem está estudando”, conta.  

Nadjane Souza, vocalista do grupo, confirma as palavras do vice-presidente. “O Olodum através de suas ações sociais promove um trabalho árduo e de comprometimento com as camadas mais necessitadas de nossa cidade. Através da instituição, eu tenho a oportunidade de conhecer outras culturas, interagir com estas e evoluir, acrescentando segurança e credibilidade ao meu trabalho”, garante. 

Serviço
O que: Aniversário de 33 anos do Olodum
Quando: 29 de abril às 16h
Onde: Largo Pedro Arcanjo, Pelourinho – Salvador/BA
Entrada franca 

Com informações do portal maisbahia.com.br

De |abril 25th, 2012|Notícia, Secundária|Comentários desativados em Olodum completa 33 anos de samba-reggae, cultura e cidadania