FCP/AL realizará I Semana de Cultura Palmarina

Na semana em que se completarão 124 anos da abolição da escravatura no Brasil, a representação da Fundação Cultural Palmares em Alagoas (FCP/AL) realizará, de 14 a 18 de maio, a I Semana de Cultura Palmarina: A Trajetória do Negro e Sua Integração na Sociedade Brasileira. Com o objetivo de debater sobre as consequências da liberdade, especialistas farão contraponto com a versão da história focada na Lei Áurea.

Era 1888 quando o Brasil, último do mundo a extinguir a escravidão após 380 anos de injustiças contra africanos e seus remanescentes, anunciou a oficialização da liberdade desses povos no país. Porém, o sonho conquistado tornou-se fardo e o pavio para um grande desafio social que desdobraria outras longas décadas: tornar-se democrático.

De acordo com Genisete de Lucena Sarmento, da FCP/AL, a instituição aliou sua condição de representante da cultura negra à sua presença no estado onde viveu Zumbi para tratar de Alagoas como referência na luta pelos afrodescendentes. “Estamos na terra onde se deu o primeiro grito pela liberdade. A partir disso resgataremos a realidade dos negros brasileiros em diferentes momentos da história até a contemporaneidade”, explica.

De acordo com ela, será possível aos participantes compreenderem que a liberdade não foi dada, mas sim uma conquista a partir de lutas que duraram séculos. “Não menosprezamos a Lei Áurea, mas é preciso garantir o acesso das pessoas ao que realmente aconteceu e às suas consequencias”, ressalta. Para isso, a representante conta com a participação de professores da rede pública de ensino do estado, a fim de que propaguem as informações.

Genisete reforça ainda que a partir dos temas a serem abordados será possível uma dimensão dos programas de ações afirmativas atuais que têm por objetivo garantir reparação aos verdadeiros construtores do país.

Confira a programação:

14 de maio (segunda –feira)
A Arqueologia do Quilombo dos Palmares
19h mesa de abertura       
20h Palestra          
Prof. Dr. Scott Joseph Allen – UFPE       
21h – debate

15 de maio  (terça-feira)
Da Escravidão em Alagoas às Ações Afirmativas
19h mesa de trabalhos      
Profa. Ma. Márcia Susana Gonçalves       
Profa. Dra. Clara Suassuna – Neab – UFAL        
Prof. Esp. José Roberto Santos Lima                   
21h debates

16 de maio (quarta-feira)
O Quilombo dos Palmares como referência na luta por libertação dos afrodescendentes
19h mesa de trabalhos:     
Profa. Mnda. Dariana Nunes        
Prof. Dr. Luiz Sávio de Almeida – UFAL 
Prof. Me. Zezito de Araújo – CESMAC  
21h debates

17 de maio (quinta-feira)
Religiões de Matriz Africana e Movimento Negro em Alagoas
19h mesa de trabalhos:     
Religioso de Matriz Africana         
Profa. Dra. Irinéia Maria Franco – UFAL 
Helcias Pereira – Conselheiro Nacional do Conappir        
21h debates.

18 de maio (sexta-feira)
19h apresentações culturais – Grupo de Percussão e Dança Inaê-Santa Fé (GUESB)
21h entrega de certificados.

De |maio 11th, 2012|Notícia, Secundária|Comentários desativados em FCP/AL realizará I Semana de Cultura Palmarina