Projeto Conhecendo Nossa História: da África ao Brasil

SÃO GONÇALO – RJ


RESULTADOS!!!
Escolas Atendidas Docentes Formados Livros Entregues Revistas Coquetel Entregues Investimento (R$)
20 21 1.900 1.120 47.426,56


CURIOSIDADE!!!

O município de São Gonçalo, localizado na região metropolitana do Rio de Janeiro, possui uma forte influência do samba. Uma das escolas de samba mais tradicionais do município chama-se Porto da Pedra, que nasceu dentro de um campo de futebol. O município de São Gonçalo é dividido em cinco distritos: São Gonçalo, Ipiiba, Monjolos, Neves e Sete Pontes. No distrito de Neves fica o bairro do Porto da Pedra. Na década de 70, moradores se reuniram para formar um time de futebol amador e nascia então o Porto da Pedra Futebol Clube. Pouco tempo depois, integrantes da equipe sugeriram a criação também de um bloco de carnaval que desfilou com o nome de Porto da Pedra pelas ruas de São Gonçalo em 1975 e 1976. A partir daí, a história do Porto da Pedra Futebol Clube se afastou dos gramados. Em 8 de março de 1978, o bloco foi juridicamente promovido a bloco de enredo transformando-se em Bloco Carnavalesco Porto da Pedra. Em 1979 e 1980, o bloco foi campeão da categoria no Carnaval de São Gonçalo, conquistando o vice-campeonato na divisão municipal de acesso em 1981 e o título da divisão principal em 1982. Entre 1985 e 1993, a Porto da Pedra – agora promovida a escola de samba – desfilou apenas em seu bairro de origem. No entanto, a partir de 1994 a escola passou a desfilar nas divisões de acesso do Carnaval do Rio de Janeiro, estreando na Divisão Especial em 1996.

Para além do samba, mas ainda relacionado à cultura negra, destaca-se um artista apaixonado pela temática e que é filho da cidade. Trata-se de Altay Veloso, de 61 anos, nascido e criado em São Gonçalo. Músico, compositor, escritor e ator. “A história da África não é estudada na escola. Parece que só começa na escravidão, mas o continente tem sete mil anos de civilizações avançadas”, destaca ele, filho de sacerdotisa de culto africano. A música de Altay tem forte influência de Angola, Nigéria e Senegal, países que conheceu. Hoje, ele diz ter devolvido ao continente o que tem de melhor: seu filho trabalha numa TV de Angola e a filha prepara um documentário sobre as eleições do país em 2012.

Fonte:
https://www.ultimadivisao.com.br/porto-da-pedra-a-escola-de-samba-que-nasceu-dos-campos-de-futebol/
http://mapadecultura.rj.gov.br/manchete/altay-veloso



GALERIA DE FOTOS





Voltar