1

Fonte: E-Brasil

No âmbito das celebrações oficiais do Mês da Consciência Negra, a antropóloga e fotografa italiana Patrizia Giancotti, apresenta pela primeira vez a exposição Benin Bahia – Mensagens tramar, que ficará em exposição de 17 a 27 de novembro na Galeria do Palácio do Congresso Nacional, em Brasília.

Mais de sessenta imagens farão parte da exposição, fruto de dez anos de pesquisa antropológica sobre os laços culturais entre a Bahia, berço da cultura afro-brasileira e o Benin – porto de saída dos navios negreiros. As fotografias acompanhadas pelos textos de Jorge Amado, Pierre Verger, Léopold Senghor e Marc Augé, testemunham os traços comuns, mostram rituais da mesma matriz, iniciações, danças sagradas, intensas celebrações no meio das ondas do mar e em baixo de cachoeiras.

Patrizia Giancotti estuda e fotografa o Brasil a mais de vinte e cinco anos. Produtora de eventos culturais, realizou mais de cem reportagens sobre o Brasil para as mais importantes revistas da Itália, mais de sessenta exposições fotográficas sobre o Brasil no mundo, livros, programas de radio, palestras e conferencias. Devido a estes trabalhos de divulgação cultural do país, o Governo Federal do Brasil a condecorou com a honorificência do “Cruzeiro do Sul”.

SERVIÇO

Visitação: de 17 a 27 de novembro

Horário: comercial – 8h as 18h

Local: Galeria do Palácio do Congresso Nacional